25º Domingo do Tempo Comum – 2019


Domingo, 22 de Setembro. Mês da Bíblia.

Hosnestidade.

Um proprietário ouviu dizer que seu administrador esbanjava os bens de sua empresa,  com isto o chamou e o despediu. O administrador em vez de confiar em Deus, reconhecer o erro e procurar um novo emprego, preferiu se vingar tentando convencer seus ex-colegas de trabalho a mentirem o valor correto de suas dívidas.

Jesus admira tamanha esperteza desta pobre criatura, mas não aprova sua conduta.

Padre Antonio Torres, em sua homilia, ressaltou a importância em não sermos escravos do dinheiro, e que, nos dias atuais, muitos investem tempo perdido em vida acadêmica, especializações, doutorados, etc. para quererem levar vantagens nos negócios de forma desonesta, deixando de lado o bem mais precioso que é a família, o lar e a igreja. Não que, se qualificar, não seja válido, mas que seja para um fim justo.

23º Semana do Tempo Comum – 2019


Domingo, 08 de Setembro. Mês da Bíblia.

Natalidade de Nossa Senhora.


Padre Manoel, se referindo ao evangelho anterior, ressaltou que os pobres, os aleijados, os coxos e os cegos a quem devemos convidar para nossas festas; somos todos nós, e que, assumir a Cruz é não ter vergonha de ser Cristão.

O evangelho nos leva a refletir que para construirmos uma torre é preciso sentar e calcular, ou seja rezar (escutar a Deus). A torre é a família e suas realizações; e nas dificuldades permitir que Jesus tome a nossa frente. Coloca no Senhor o teu destino, confia Nele e Ele agirá.

Tem gente no trabalho que, ao ver a política da empresa não condizer com os valores cristãos, prefere procurar outro. Hoje temos exemplo de paroquiano que, ao confiar e fazer a vontade de Deus, é feliz no novo emprego; mas sem cobrar Deus.

É possível entender o pensamento de Deus? Sim, mas para isso precisamos de sabedoria, e esta sabedoria e dada através do Espirito Santo.

XIX ENCONTRO DE CASAIS COM CRISTO 20, 21 e 22/09/19:

Testemunho do casal Raquel e Nando:

Questionário de pré-inscrição ao Encontro de Casais com Cristo da Paróquia de Santa Suzana. Data do Encontro: 20, 21 e 22/09/2019CONVITE:

22º Semana do Tempo Comum – 2019


Domingo, 01 de Setembro. Mês da Bíblia.

Humildade.


Humildade é uma qualidade que é adquirida com o tempo, a começar pelos pais e pelo meio em que vivemos independente de classe social; mas o que mais nos leva à humildade é reconhecermos o senhorio de Deus.

Até na natureza temos exemplos de humildade. Antes da árvore dar frutos, seus galhos têm que crescer, e quando seus frutos amadurecem, estes pesam e os galhos se curvam para nos servir. E se estes frutos não forem colhidos, eles podem cair e apodrecer. Por isso Deus não desiste de nós até o nosso último segundo de vida.


A pessoa humilde, tem que ser como a árvore frutífera, principalmente quando for dar uma festa. Pois se ela deixa de convidar alguém do seu meio só porque não o suporta, é fato que tal exemplo (seja bom ou ruim), vai influenciar cada vez mais no convívio de ambos para o bem ou não.

Neste dia, também tivemos a graça de celebrarmos 8 anos de Páscoa de Renato Czinczel Mancini, uma das pessoas mais humildes,  inteligentes e bem humoradas que eu já conheci. Renato, intercedei por nós.

Também tivemos a entrega da Capelinha de Nossa Senhora, que é passada para cada família, toda primeira semana do mês, e o sorteado foi o catequizando Miguel.

XIX ENCONTRO DE CASAIS COM CRISTO 20, 21 e 22/09/19:

Questionário de pré-inscrição ao Encontro de Casais com Cristo da Paróquia de Santa Suzana. Data do Encontro: 20, 21 e 22/09/2019ENCONTRO DE CASAIS EM 2ª UNIÃO – JESUS O BOM PASTOR:

A Pastoral Familiar representada por Paulo Lisboa e sua esposa Rita, com muita alegria no coração, informam neste dia: “Vem aí o 2º Encontro com Jesus o Bom Pastor da Forania Morumbi (para casais em 2ª união). Será nos dias 26 e 27 de Outubro na Paróquia São Bento (ao lado do Colégio Santo Américo)”.

Contatos para inscrições: Paulo (95314-1213) ou Rita (99905-5436) ou fazer a sua inscrição diretamente no site da paróquia.

“Nesta vida estamos de passagem e vivenciando a graça da reconciliação.
Deus ainda está fazendo (moldando) eu, você e todos nós para sermos luz
aqui e no Reino de Deus.” Fábio Souza.

16º domingo do tempo comum – 2019


Domingo, 21 de Julho.

Visita de Jesus às irmãs Marta e Maria


Abraão de Ur é o Pai da Fé, nômade, idoso de 90 anos e esposo de Sara que já era estéril, ouviu o chamado de Deus e prostrou-se diante Dele oferecendo sua gratidão; com isso teve um filho com Sara chamado Isaac, e este deu continuidade ao propósito de Deus para Abraão.

No Evangelho, Jesus visita a casa das irmãs Marta e Maria. Enquanto Maria escutava os ensinamentos de Jesus, Marta ficou cuidado dos afazeres domésticos e criticou sua irmã em não ajudá-la naquela ocasião.

Padre Manoel em sua homilia ressaltou a influência que o tempo exerce em nossas vidas e em nossos momentos; e que nos tempos de hoje, aquele que doa seus momentos para Deus ou para o irmão é considerado um mártir do tempo.

Muitas vezes deixamos de rezar a fim de ganharmos tempo para concluir nossas tarefas, sendo que se tivéssemos rezado (oferecido um tempo para Deus), com certeza as teríamos concluído antes do prazo, e visse-versa.


35 Anos de Matrimônio de Sérgio e Célia

12º Domingo do Tempo Comum – 2019


Domingo, 23 de Junho.

“Quem quiser salvar a sua vida neste mundo, vai perdê-la; e quem perder sua vida por causa de mim, este será salvo.”

Na parábola de hoje, Jesus quis conscientizar seus discípulos lhes perguntando o que as pessoas, que não o seguiam, pensavam dele.

Uns diziam que Jesus era visto como a reencarnação de grandes personagens da Bíblia, outros diziam que era visto até mesmo como um mártir revolucionário, mas não como Deus. Já os Judeus esperavam um Jesus triunfante, à moda de Salomão ou Davi.

Então Jesus pergunta aos Discípulos: “Quem eu sou para vocês?” (Aquela resposta iria fundamentar a espiritualidade de cada um).

Padre Antonio Torres em sua homilia, disse: “Se perguntarem para mim quem eu sou, geralmente esta resposta seria feita de forma defensiva; mas se outro respondesse a cerca de mim, talvez haveria mais sinceridade em sua resposta”. Por isso é tão difícil recebermos uma crítica.  Ela nos incomoda, pois abala nossa estrutura alicerçada pelo ego.


Uma vez eu estava em uma considerável fila de caixa e observei que o principal atendente, mesmo desocupado, não dava devida atenção aos clientes da fila, então eu tomei a iniciativa de lhe alertar cautelosamente, e mesmo assim ele aparentou fingir nos ignorar procurando uma falsa ocupação para não abrir mão de seu ego.

Pedro, de forma temensiosa responde a Jesus: “Tu és o Cristo de Deus!”

Mas nem todo que diz Senhor! Senhor! chega ao Céu; então Jesus repreende Pedro (que não aceitava o sofrimento e morte de Cristo na Cruz), e o ensina a ser obediente dizendo: “Se alguém quer me seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz de cada dia e siga – me.”

7º Domingo do Tempo Comum – 2019


Domingo, 24 de Fevereiro.

Davi disse ao seu servo: “Não mates meu inimigo! Pois quem poderia estender a mão contra o ungido do Senhor, e ficar impune?”

Dá a quem te pedir e, se alguém tirar o que é teu, não peças que o devolva. O que vós desejais que os outros vos façam, fazei-o também vós a eles.

Padre Antonio Torres, em sua homilia, explicou que o amor humano (de sentimento) é o amor de afeto, espontâneo; e que este amor não nos leva para o céu.

O amor que nos leva para o céu é aquele amor que quando não queremos ouvir uma pessoa (e geralmente são as mais próximas), nos silenciamos e a ouvimos.

Queridos irmãos!
Todos vcs sabem da situação atual do nosso clube, após a forte chuva de sábado.
A previsão é de que o clube fique fechado por 1 mês!
Nesse período estaremos com as nossas atividades na comunidade Sta Suzana.
Então a catequese será as 9:30h na capela Sta Suzana e a missa
que participaremos será a das 11h no salão paroquial.
Queremos, eu e o Sérgio, agradecer a acolhida na nossa paróquia.
Nos coloquei disponíveis para a Bia (coordenadora da Sta Suzana),
para ajudarmos durante as missas.
Iniciaremos nossas atividades lá no próximo domingo, dia 10/03.
Abraço carinhoso em todos!
Célia Czinczel Mancini.

A feijoada, em prol do TLC que será nos dias 24, 25 e 26 de maio, foi um grande sucesso, com a venda de mais de 160 ingressos! Tivemos uma tarde maravilhosa e repleta de muita alegria.

Teve vários troféus de melhor fantasia – O primeiro lugar  foi para a família do Chico que estava fantasiada de Avatar. Nossa coroinha Isabela ganhou o troféu como palhacinha, o Rafael ganhou o troféu mirim, como Batman; e a Bia, fantasiada como fake, ganhou o troféu de originalidade.

Tivemos o bingo, e o São Paulo Futebol club doou o cobertor que fez o maior sucesso entre os são-paulinos. E quem ganhou foi a Nilsen, nossa irmã de comunidade.

5º Semana do Tempo Comum – 2019


Domingo, 10 de Fevereiro.

A liturgia deste dia, como disse Padre Antonio Torres, em sua homilia, trata do tema Vocação. Para tanto, todo cristão é chamado para chamar outros homens e mulheres para praticamos a santidade através de nossos exemplos cristãos; para que, assim com São Pedro, sejamos pescadores de homens.

No evangelho de São Lucas, Jesus prega para a multidão a partir da barca de Pedro. Tal atitude simbolizou a percepção de Cristo no potencial daquele homem como seu sucessor e primeiro Papa.

Naquele dia, Jesus pede a Pedro para lançar as redes em águas mais profundas, e com isso conseguiram encher duas barcas de peixes. Pedro ao se surpreender com o sinal de Cristo, se reconhece pecador e aceita ser pescador de homens, consciente de que largaria tudo para aquela missão – a de evangelizar.

Largar tudo significa abrir mão do pecado, ou seja, assumir uma vida justa e de oração. Uns tem vocação para ser padre, outros para constituírem famílias, outros servindo uma instituição ou comunidade, etc. Mas com o mesmo fim, o de evangelizar. E com isso evangelizamos a nós mesmos.

Missa das Crianças – 4º Semana do tempo comum – 2019


Domingo, 3 de Fevereiro.

Neste dia tivemos a presença de Padre José Bortolini presidindo a Missa,  e também a presença dos fantoches Cidinha e Duda interagindo com as crianças e a catequista Isabel.

Padre José em sua homilia contou a parábola de dois sapinhos que caíram numa bacia com leite.

O leite estava lá para se transformar em nata para fabricação de manteiga. Quando os sapos se deram conta da dificuldade em não se afogar, nadaram até se cansar, e mesmo assim não tiveram sucesso. Um deles tentou desistir, já o outro o motivava – e mais uma vez nadaram até se cansar. O que queria desistir acabou se afogando, enquanto o outro, de tanto bater as patinhas, acabou alcançando a borda, e quando olhou para seu amigo morto, este estava boiando em cima de uma crosta de nata.

Muitas vezes a dificuldade nos deixa consequências desagradáveis, mas acaba nos fortalecendo e nos ajuda a atingir metas que não conseguiríamos sem ela.

No final da Missa tivemos o sorteio da entrega da capelinha, e desta vez foi para a família da Marina. Gabriel foi quem a entregou.

Em seguida, padre José abençoou as gargantas por ser dia São Brás.  São Brás foi um mártir, bispo e santo católico que viveu entre o séculos III e IV na Armênia. Ficou conhecido porque, com sua fé, retirou um espinho da garganta de uma criança.


QUER INDICAR ALGUÉM PARA O TLC (Treinamento de Liderança Cristã)?
O retiro do TLC , para jovens a partir de 15 anos, será nos dias 23, 24 e 25 de maio. Preencha abaixo os campos para que possamos entrar em contato com você!
[contact-form-7 404 "Not Found"]

2ª Semana do Tempo Comum – 2019

Sexta feira, 25 de Janeiro.

Neste dia, tivemos a graça de comemorar os 465 anos da Cidade de São Paulo e reiniciar as atividades paroquiais da Comunidade São Paulo Apóstolo.

Antes da Missa houve o hasteamento das bandeiras dentro do clube com a presença de Carlos Augusto de Barros e Silva (Leco), atual presidente do clube, seu aliado Marcelo Pupo, eleito presidente do conselho, e Laudo Natel, ex Governador do Estado de São Paulo e patrono do clube.

Na primeira leitura, Saulo, um fariseu que perseguia à morte os seguidores de Cristo, estando perto de Damasco, viu uma grande luz vinda do céu fazendo-o cair por terra e ouvir a voz de Jesus que dizia: ‘Saulo, Saulo, por que me persegues? ’ Com isso, Saulo perdeu a visão, e só voltou a enxergar depois que se converteu e passou a ser testemunha de Deus diante de todos os homens, daquilo que viste e ouviste. Com isto, passou a se chamar Paulo.

Padre Clemente também falou, em sua homilia, da importância do esporte na vida da gente, de sua época como jogador de basquete, e do quanto o técnico ressaltava a importância do jogador jogar para o time e não para si.

Marcelo Pupo, no final da Missa , fez o discurso parabenizando o clube, a presidência, nossa cidade, e pediu oração a nossos filhos cuja geração está se fechando por conta do tamanho envolvimento à celulares, redes sociais, etc .

Após a Missa, houve comemoração com o canto do parabéns com bolo, refrigerantes, e também finalizamos com, “chave de ouro”, o Hino do Clube.

 

 

2º Domingo do Advento – 2018

Domingo, 9 de dezembro.

Nesse último domingo celebramos o segundo domingo do advento.

Esse tempo belíssimo que a Igreja nos oferece para prepararmos, assim como fez João Batista, os caminhos do Senhor. Precisamos preparar os caminhos para Jesus chegar até nossa casa, nossa família, nosso coração…

Também tivemos a investidura dos novos coroinhas da nossa paróquia que se prepararam durante 8 semanas para poderem servir Jesus não só no altar, mas também na vida deles. Vem Senhor Jesus, Maranatha.

Foi uma linda missa, solene, com a presença do diácono Argeu e os coroinhas que já exercem o ministério e vieram alegremente acolher os novos membros da nossa pastoral.

Crédito: Célia Czinczel Mancini